9 Mitos e Verdades Sobre a Bateria do Celular

O smartphone não está mais ligando ou descarrega muito rápido? Será algum problema na bateria? Fique por dentro do assunto ao saber quais são os mitos e verdades sobre a bateria do celular.

Perfil do Google: Sr.YX

Perfil do Facebook: Ynternix

Perfil do Twitter: @ynternix

Youtube: Canal Ynternix

E-mail: yx@ynternix.com

Como aumentar a duração da bateria no celular
Como aumentar a duração da bateria no celular
Vote neste artigo
0

Em tempos de aparelhos cada vez mais modernos, uma das queixas mais comuns entre os usuários de smartphones persiste na duração da bateria. Em busca de mais minutos com o celular ligado, alguns “truques” se popularizaram, gerando também dúvidas sobre o que realmente é mito ou verdade.

Como aumentar a duração da bateria no celular

Como aumentar a duração da bateria no celular

Bateria: Verdade x Mentira

Na dúvida, buscar por informação pode ser a solução para garantir o melhor aproveitamento do dispositivo e não prejudicar seu aparelho. Por isso, assim como no artigo “As 5 maiores dúvidas sobre baterias de notebooks”, você vai poder conferir as nossas dicas sobre baterias de smartphones:

01. O ideal é deixar a bateria chegar a 0% antes de carregá-la:

MENTIRA. Pelo contrário, o correto é não deixar a bateria alcançar esse extremo. A recomendação é recarregar antes da energia chegar abaixo de 40%.

02. Não se pode remover o carregador antes dos 100%:

MENTIRA. Na verdade, manter o carregamento de baterias de íon de lítio até 80% ajuda a prolongar a vida útil da bateria, pois (novamente) evita que ela chegue aos extremos. No entanto, deixar o celular atingir esse nível não é prejudicial, já que os aparelhos deixam de receber energia quando alcançam 100% de carga. Mesmo assim, não é aconselhado ultrapassar 10 horas de carregamento.

03. Baterias de celular podem ficar viciadas:

MENTIRA. Elas não sofrem com o efeito da “memória” para se tornarem viciadas.

04. Carregadores de má qualidade podem danificar a bateria:

VERDADE. Dispositivos falsificados devem ser evitados por não apresentarem bom desempenho e, ainda, descumprirem normas de segurança.

05. Não se pode utilizar carregadores de marcas diferentes do aparelho:

MENTIRA. Carregadores genéricos podem ser utilizados. Porém, o desempenho tende a ser pior que o do carregador original, demorando mais tempo para completar o carregamento.

06. Modo avião torna o carregamento mais rápido:

VERDADE. O segredo é que essa opção desconecta conexões 3G, 4G e Wi-Fi, poupando o processamento do aparelho. Mas não se engane, a diferença de tempo pode não ser muito expressiva.

9 Mitos e Verdades Sobre a Bateria do Celular

9 Mitos e Verdades Sobre a Bateria do Celular

07. O primeiro carregamento da bateria deve ser o mais demorado:

MENTIRA. Com a utilização de materiais mais modernos nas baterias, essa regra ficou ultrapassada.

08. Carregar a bateria via USB pode ser mais demorado:

VERDADE. Entradas USB não contam com a mesma potência de energia de uma tomada, podendo levar o dobro do tempo de carregamento. Além disso, carregar o smartphone através do USB pode causar um maior aquecimento da bateria.

09. A temperatura afeta a bateria:

VERDADE. O calor pode reduzir o tempo de duração e, até mesmo, danificar a bateria. Nessas horas, o correto é ventilar o celular, removendo qualquer objeto que esteja vedando o aparelho.

Como Aumentar a Economia de Energia no Celular

Para sorte daqueles que não vivem sem seu smartphone, alguns cuidados podem ser adotados para melhorar o desempenho da bateria. Uma das táticas mais comuns é o uso de aplicativos de economia de energia, que reúnem funções como o monitoramento do consumo de carga de cada componente instalado no celular e o diagnóstico de perdas fora do comum.

Outro método muito eficaz é recorrer a aplicativos de uso consciente da bateria. Ou seja, recursos aptos a rodar com velocidade total, mas com baixo impacto na carga. Um exemplo são os programas antivírus para Android, capazes de armazenar detecção do vírus direto na nuvem e não no aparelho – poupando esforços da bateria e, consequentemente, fazendo-a durar mais.

Para completar, outras dicas podem ser valiosas, tais como:

  • Reduzir o brilho da tela;
  • Desligar conexões fora de uso;
  • Desativar notificações;
  • Fechar aplicativos inativos e diminuir o tempo de bloqueio da tela;
O que achou do artigo?
Gravatar